Tamanho do texto

Entrada de dólares no país diminui, e fluxo cambial fica negativo na última semana de março

O fluxo cambial da quarta semana do mês de março ficou negativo em US$ 306 milhões, conforme dados divulgados pelo Banco Central (BC). A saída de dólares entre os dias 19 e 23 de março destoa do movimento observado até a terceira semana, quando o País havia recebido US$ 5,622 bilhões. Considerando a semana passada, o fluxo cambial no mês, até o dia 23, é positivo em US$ 5,316 bilhões.

A saída de recursos na semana passada aconteceu exclusivamente pela via comercial, que terminou o período negativa em US$ 328 milhões. O valor é resultado de contratos de câmbio de US$ 3,720 bilhões destinados ao pagamento de importações, que superaram o ingresso de dólar de US$ 3,391 bilhões, gerado pelos exportadores. No acumulado do mês até a última sexta-feira, porém, a conta comercial segue positiva em US$ 4,733 bilhões.

Na semana passada, o fluxo financeiro encerrou com o ingresso de US$ 22 milhões. A pequena entrada de recursos ocorreu graças aos ingressos, que somaram US$ 6,518 bilhões, superando ligeiramente a saída de US$ 6,496 bilhões.

Na conta financeira - onde são registradas transações como compra e venda de ações e títulos de renda fixa, empréstimos, remessas de lucros e investimentos produtivos - o acumulado do mês até o dia 23 mostra saldo líquido positivo de US$ 583 milhões.

No acumulado do ano até a última sexta-feira, o Brasil recebeu US$ 18,303 bilhões, sendo US$ 9,669 bilhões na conta financeira e US$ 8,634 bilhões pela via comercial.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.