Tamanho do texto

Kansas, 20 - Representantes dos maiores produtores de citros da Flórida investigam se uma ou mais processadoras de suco de laranja do Brasil estão colocando produto no mercado americano abaixo do preço de custo, prática conhecida como dumping. Segundo fontes do mercado, corre na indústria americana o boato de que pelo menos uma empresa brasileira tem vendido grandes volumes de suco no mercado físico, enquanto os preços futuros da commodity encontram-se no menor nível em anos.

A atuação despertou desconfianças, já que os produtores da Flórida são há anos ameaçados pelo suco brasileiro, mais barato. "Neste momento, tudo que eu posso dizer é que nós estamos investigando o preço baixo de algumas importações", disse Fran Becker, presidente do Florida Citrus Mutual (FCM), que representa cerca de 8 mil produtores de citros. Becker também é vice-presidente da trading Peace River Citrus Products. Na Flórida, o setor gera uma receita da ordem de US$ 9,3 bilhões.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.