Tamanho do texto

Fundada por Gaurav Garg e Peter Wagner, a Wing planeja investimentos entre US$ 8 milhões e US$ 10 milhões ao longo da vida de cada empresa em seu portfólio

Reuters

A Wing já investiu na companhia de redes Cumulus Networks e na plataforma de segurança FireEye
Getty Images
A Wing já investiu na companhia de redes Cumulus Networks e na plataforma de segurança FireEye

Dois investidores veteranos do Vale do Silício abriram uma nova empresa, chamada de Wing Venture Partners, que ficará encarregada por um fundo de US$ 111 milhões destinado a investimento em empresas iniciantes especializadas em computação em nuvem, dados e tecnologias móveis.

-Veja também: TI e aplicativos são as maiores apostas dos investidores-anjo, aponta pesquisa

Fundada por Gaurav Garg e Peter Wagner, a Wing planeja investimentos entre US$ 8 milhões e US$ 10 milhões ao longo da vida de cada empresa em seu portfólio.

A Wing já investiu na companhia de redes Cumulus Networks e na plataforma de segurança FireEye.

Garg foi sócio da Sequoia Capital por dez anos e trabalhou com a empresas de WiFi Ruckus Wireless e Jawbone, que produzem aparelhos móveis. Antes da Sequoia, ele fundou a companhia de infraestrutura de Internet Redback Networks que depois foi vendida para a Ericsson.

Wagner, enquanto isso, foi sócio da Accel Partners, trabalhando com a Fusion-io Inc, que ajuda empresas a transferir dados mais rapidamente, e com a Redback, onde conheceu Garg.

    Notícias Recomendadas

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.