Tamanho do texto

Três a cada 10 filhos pretendem dar smartphones de presente no Dia dos Pais; veja mais detalhes sobre as preferências de pais e filhos no Dia dos Pais

Brasil Econômico

Smartphones serão a opção de um a cada três filhos que vão presentear no Dia dos Pais
iStock
Smartphones serão a opção de um a cada três filhos que vão presentear no Dia dos Pais

Na internet, artigos de moda (roupas, calçados e bolsas) e smartphones são os itens mais buscados pelos brasileiros para presentear no Dia dos pais. É o que diz a pesquisa de intenção de compras para feriado realizada pelo Mercado Livre em parceria com a Nicequest. Foram consultados 2.900 usuários das cinco regiões do País.

LEIA MAIS: Em 2015, venda no Dia dos Pais caiu pela primeira vez em 10 anos

A pesquisa de Dia dos Pais mostrou que 31% pretendem comprar artigos de moda, 29% querem comprar smartphones e outros 16% optarão por produtos eletrônicos. Na segunda posição, os smartphones estão no topo da lista de desejos dos pais. O levantamento revelou que 42% deles desejam ganhar um telefone celular com múltiplas funcionalidades.

RELEMBRE:  BB volta atrás no Twitter ao chamar clientes de 'migo' e 'parça' no Dia dos Pais

O percentual é bem maior do que o do ano passado, quando apenas 23% o colocavam em primeiro lugar. Apesar disso, mesmo tendo indicadas as preferências, a maioria dos pais (72%) diz que gostaria de ser surpreendido na comemoração.

Almoço ou jantar. Essas são as opções majoritárias de como as famílias celebrarão a data, seja em casa (54%) ou em restaurantes (28%). Outros 15% dizem que pretendem fazer uma viagem. 

LEIA MAIS:  15 pais que passaram longe da fila da "noção"

Só uma lembrancinha

A pesquisa indica ainda que o investimento no presente para o Dia dos Pais deve ficar, em ampla maioria, na primeira faixa de gastos. Cerca de 59% dos filhos devem investir até R$ 250 no presente. Se somados aos que pretendem chegar a R$ 350, o percentual sobe para 72%. Outros 12% poderão gastar até R$ 500, uma parcela de 10% vai às compras com um teto de R$ 1000 e apenas 4% estão dispostos a gastar disso.

Metade das pessoas que vão presentear optará pelo cartão de crédito, que é seguido pelo boleto bancário (20%) no ranking das formas de pagamento. Mais da metade (55%) dos consumidores disse que vai parcelar: destes 24% em até três vezes.

Smartphones ganham espaço como forma de pagamento

Três a cada 10 filhos querem dar um smartphone de presente no Dia dos Pais, como foi dito acima. E uma parcela ainda maior, de 4 em cada 10 que vão comprar pela internet, vão adquirir os produtos a partir de dispositivos móveis como smartphones e tablets. Os outros 59% ainda preferem fazer as transações online via desktops.