Tamanho do texto

Dois milhões de contribuites vão dividir R$ 2,4 bilhões, diz Leão; depósitos vão ser realizados na semana que vem

Restituições somam R$ 2,4 biloes, diz Receita
Pixabay/Creative Commons
Restituições somam R$ 2,4 biloes, diz Receita

A Receita Federal abre nesta terça-feira (8) a consulta ao 4º lote de restituições do Imposto de Renda 2015. Ao todo, 2.119.640 de contribuintes vão dividir R$ 2,4 bilhões e os valores depositados em suas contas virão com correção de 5,35%, que é o valor acumulado da Selic - a taxa básica de juros da economia - entre maio e setembro de 2015.

Além deles, outros 35.446 que ficaram retidos na malha fina entre os anos de 2008 e 2014 terão suas restituições liberadas. Essa somam quase R$ 80 milhões, e terão correções que vão de 73,85% a 16,27%. A consulta pode ser feita no site da Receita Federal .

No total, a Receita irá depositar R$ 2,5 bilhões depositar nas contas dos contribuintes em 15 de setembro.

O crédito, em todos os casos, é feito na conta informada pelo contribuinte na declaração, e fica disponível por um ano. Se o valor não for resgatado, o dinheiro pode ser requerido pela internet, por meio do Formulário Eletrônico - Pedido de Pagamento de Restituição, ou diretamente no e-CAC, no serviço Extrato do Processamento da DIRPF.

Caso o valor não esteja depositado, o contribuinte deve procurar uma agência do Banco do Brasil ou ligar para o telefone 4004-0001 (capitais), 0800-729-0001 (demais localidades) e 0800-729-0088 (telefone especial exclusivo para deficientes auditivos) para agendar o crédito em conta corrente ou poupança, em seu nome, em qualquer banco.

A  consulta pode ser feita pelo telefone 146 ou no site da Receita ( http://idg.receita.fazenda.gov.br/ ). Quem não estiver na lista pode checar, nesse endereço, o serviço e-CAC para ver se houve inconsistênicas em sua declaração e eventualmente  fazer uma retificadora.