Tamanho do texto

Empresa espera ter uma geração de caixa maior no período em relação à primeira metade do ano

Reuters

Empresa espera ter uma geração de caixa maior no período em relação à primeira metade do ano
Divulgação
Empresa espera ter uma geração de caixa maior no período em relação à primeira metade do ano

A Rossi Residencial pretende continuar mantendo postura agressiva na venda de estoques de imóveis no segundo semestre e espera ter uma geração de caixa maior no período em relação à primeira metade do ano, afirmaram executivos da companhia nesta sexta-feira (15).

LEIA MAIS: Construtoras leiloam peças de imóveis decorados por até metade do preço

A empresa também informou que está avaliando eventual rolagem de dívida de cerca de R$ 265 milhões que vence no segundo semestre para ter uma posição de liquidez mais reforçada diante do atual cenário econômico.