Tamanho do texto

A ação com maior rentabilidade do período foi a da Cielo ON (CIEL3) com 393,73% de valorização durante o governo Dilma

Bovespa deixa de ser maior bolsa da América Latina
WIKIPEDIA/COMMONS
Bovespa deixa de ser maior bolsa da América Latina

Algumas ações de empresas brasileiras resistem mesmo com a bolsa de valores brasileira derretendo influenciada pelas oscilações políticas e econômicas que o País enfrenta. A consultoria Economatica fez um levantamento de todas as ações do mercado brasileiro no período do governo Dilma (de 31 de dezembro de 2010 até 19 de outubro de 2015) e verifica que há um grupo seleto de 15 ações que alcançou rentabilidade acima de 100% neste período.

A pesquisa concentrou-se apenas em ações de alta liquidez e, para tanto, inicialmente foram filtradas somentes aquelas cujo volume diário de negociação foi superior a R$ 1 milhão (média entre 01 de janeiro de 2011 a 19 de outubro de 2015).

Os setores que mais concentram estas ações vencedoras são o de alimentos e bebidas e comércio com três representantes cada.

A ação com maior rentabilidade do período foi a da Cielo ON (CIEL3) com 393,73% de valorização e volume financeiro médio diário de R$ 116,3 milhões. A Cielo ON tem 39 meses de rentabilidade positiva nos 58 meses analisados.

Das 15 ações 10 apresentam rentabilidade superior ao do Dólar Ptax Venda que foi a melhor aplicação no período.

A ação da Equatorial ON (EQTL3) é a ação que teve maior número de meses com retornos positivos, o papel teve 43 meses positivos. O papel com menor quantidade de meses positivos é o da JBS ON (JBSS3) com apenas 31 meses positivos.

Confira a lista de ações que mais ganharam no período Dilma:

As 15 ações que estão driblando a crise com retorno acima de 100% no governo Dilma
Economatica
As 15 ações que estão driblando a crise com retorno acima de 100% no governo Dilma



    Leia tudo sobre: bovespa
    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.