Tamanho do texto

Porto Alegre, 09 - O Brasil exportou 400 mil toneladas de arroz até agosto, um aumento de 153% ante o resultado obtido em 2007. O volume representa 57% do total estimado para o atual ano agrícola e confirma o bom desempenho das vendas de arroz beneficiado, informou hoje o Instituto Rio-Grandense do Arroz (Irga).

Foram embarcadas 267 mil toneladas de arroz beneficiado nesse período.

Além de ganhar espaço com produto industrializado, a exportação consegue chegar a quase todas as regiões importadoras de arroz, destacou o assessor de mercado do Irga, Marco Aurélio Tavares, com exceção da Ásia, que é grande fornecedora do grão. Em agosto, os principais destinos foram Mauritânia e Senegal. O produto também abriu o mercado cubano com a exportação de 32,2 mil toneladas. As importações de arroz somaram 45 mil toneladas em agosto e 228 mil toneladas nos últimos seis meses, 38% do previsto para o ano agrícola.

A Companhia Nacional de Abastecimento (Conab) confirmou a realização, para o dia 16 de setembro, de mais uma rodada de venda de estoques públicos, conforme negociação com a cadeia produtiva na semana passada. Serão ofertadas 50,1 mil toneladas de produto armazenado no Rio Grande do Sul e Santa Catarina. Ainda em setembro há previsão de novo leilão, no final do mês. Com a oferta de seus estoques, o governo espera manter as cotações estáveis, sem desestimular o plantio da próxima safra nem pressionar os preços ao consumidor.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.