Tamanho do texto

São Paulo - Começa na próxima semana, no dia 1.º de abril, e prosseguirá até o dia 11, no Parque de Exposições Ney Braga, em Londrina (PR), a 50.

ª edição da Exposição Agropecuária e Industrial de Londrina, a ExpoLondrina.

Durante os 11 dias de mostra, haverá 33 leilões, entre raças zebuínas e europeias de elite (matrizes, reprodutores e embriões), tanto de leite, quanto bovinos de corte e para cruzamento industrial, além de cavalos, ovinos, suínos e também a realização do 4.º Londrina Dog Show (leilão nacional de cães).

O primeiro ocorre no dia 31 de março, antes mesmo da abertura do evento, marcada para o dia seguinte. Entre os destaques da agenda estão os cinco leilões de touros reprodutores, que serão realizados nos três últimos dias da ExpoLondrina.

De acordo com estimativas da organização do evento, devem passar pelo parque de exposições cerca de 12 mil animais. Só de bovinos para julgamento e leilões serão 3 mil animais, sendo mil da raça nelore e 2 mil das demais raças zebuínas e europeias. Segundo o presidente da Sociedade Rural do Paraná (SRP), Alexandre Lopes Kireeff, a ExpoLondrina deve movimentar este ano cerca de R$ 190 milhões, número próximo dos R$ 187 milhões faturados no ano passado. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo/Agrícola .

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.