Tamanho do texto

Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) mapeou os aportes projetados pela indústria entre 2010 e 2013

A expectativa de investimentos no Brasil já superou os níveis anteriores à crise. A avaliação é do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), que mapeou os aportes projetados pela indústria em setores de infraestrutura e na construção civil, entre 2010 e 2013. Segundo o trabalho, o País terá investimentos de R$ 1,324 trilhão no período. O valor é 54,6% superior ao realizado entre 2005 e 2008.

"Excluindo o choque de 2008, este é o mais longo ciclo de investimentos no Brasil em 30 anos", comenta o economista-chefe do BNDES, Ernani Torres. Segundo o trabalho, praticamente todos os segmentos industriais apresentam apetite maior para investir do que em agosto de 2008, antes do estouro da crise.

A indústria, ao todo, prevê investimentos de R$ 549 bilhões no período, com grande destaque para a área de petróleo e gás, que terá aportes de R$ 340 bilhões, ou 25,7% do total projetado pelo BNDES. O valor considera as novas projeções de investimento da Petrobras, que serão detalhadas no início de junho.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.