Tamanho do texto

Na comparação com os Brics, crescimento do País ficou à frente apenas do avanço de 4,1% da economia da Rússia

O crescimento do Produto Interno Bruto (PIB) brasileiro no primeiro trimestre do ano, de 1,3% na comparação com o quarto trimestre de 2010, colocou o país entre os principais avanços entre as nações que já divulgaram os resultados do período neste tipo de comparação.

O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) informou que o resultado do Brasil ficou atrás do avanço de 1,5% do PIB alemão e o crescimento de 1,4% da Coreia do Sul. O Brasil vem logo na sequência, empatado com o Chile. Com resultado pior que o brasileiro, apareceram França e Bélgica, com expansão de 1%; Holanda, com 0,9% de aumento; Grécia e União Europeia, com 0,8%; México e Reino Unido , com 0,5%; Estados Unidos , com 0,4%; Espanha, com 0,3% ; Itália, com 0,1%; e Japão, com queda de 0,9%.

Na comparação com os Brics, a expansão de 4,2% no PIB brasileiro em relação ao primeiro trimestre do ano passado ficou à frente apenas do avanço de 4,1% da economia da Rússia na mesma comparação. À frente do Brasil ficaram a África do Sul, com ampliação de 4,8%; a Índia, com 7,8% de incremento; e a China, com 9,7% .

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.