Tamanho do texto

Os estoques no atacado dos Estados Unidos caíram 0,2% em janeiro, contrariando a previsão média dos analistas, que era de alta de 0,2%. O dado de dezembro, por sua vez, foi revisado da contração de 0,8%, anunciada originalmente, para queda de 1,0%.

As vendas dos atacadistas norte-americanos aumentaram 1,3% em janeiro, para um nível sazonalmente ajustado de US$ 346,7 bilhões. Esse foi o décimo aumento mensal seguido das vendas, de acordo com o Departamento de Comércio.

A relação entre estoques e vendas ficou em 1,10 em janeiro, um recorde de baixa. Essa relação é uma medida de quantos meses uma empresa demora para esgotar seus estoques atuais. Em dezembro, estava em 1,12.

Já os estoques de bens duráveis, feitos para durar pelo menos três anos, caíram 0,5% em janeiro, enquanto os estoques do setor automotivo recuaram 0,2%. As vendas de bens duráveis cresceram 0,3% em janeiro e as de automóveis aumentaram 2,6%. Os estoques de bens não duráveis cresceram 0,3% e os estoques de petróleo aumentaram 4,7%. As informações são da Dow Jones.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.