Tamanho do texto

Chef britânico afirmou que hambúrgueres das unidades americanas da rede de fast food contêm hidróxido de amônia, substância nociva

Big Mac, o carro chefe do McDonald's
Getty Images
Big Mac, o carro chefe do McDonald's
O McDonald´s, maior cadeia de fast-food do mundo, anunciou que vai alterar a fórmula de preparo da carne utilizada para fazer hambúrguer. Segundo a matriz da empresa nos Estados Unidos, a mudança já estava em processo, mas a notícia foi divulgada esta semana depois de uma polêmica envolvendo a rede.

Leia : Lucro líquido do McDonald’s cresce 11% em 2011

No ano passado, o chef britânico Jamie Oliver - famoso por ser ativista de comida saudável -, fez uma reportagem para seu programa de televisão afirmando que os hambúrgueres das unidades americanas do McDonald´s contêm hidróxido de amônia, uma substância nociva à saúde.

Segundo a reportagem, a empresa junta restos de alimentos e faz uma mistura, apelidada de "lodo rosa" por Oliver. Depois, o produto vai para a centrífuga e recebe uma lavagem que inclui hidróxido de amônia.

O McDonald´s utilizaria esse método para engordar os hambúrgueres e aumentar o volume de carne. A polêmica incomodou o McDonald´s, que agora anunciou mudanças em sua linha de produção.

Mais : McLanche Feliz, do McDonald's, é multado em R$ 3,2 milhões pelo Procon

Em nota, a assessoria do McDonald´s no Brasil diz que os hambúrgueres daqui são preparados de maneira diferente: "Na América Latina, a Arcos Dorados, empresa que opera a marca em toda a região, informa que o aditivo em questão não é e nunca foi utilizado como ingrediente em qualquer processo da cadeia produtiva da marca. A companhia acrescenta que os hambúrgueres são preparados com 100% de carne bovina e que toda a produção é validada pelas autoridades regulatórias locais".

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.