Tamanho do texto

Vendas globais da companhia caíram 1,5% entre julho e setembro com as oscilações no câmbio

A Colgate-Palmolive apresentou lucro líquido 4,9% maior no terceiro trimestre, de US$ 619 milhões  (R$ 1 bilhão), ou US$ 1,21 por ação, ante os US$ 590 milhões dos três meses até setembro de 2009.

As vendas globais caíram 1,5%, para US$ 3,943 bilhões, com as oscilações no câmbio tendo impacto no resultado. Excluindo a variação cambial, compras e vendas de ativos, as vendas aumentaram 3%.

O executivo-chefe da companhia, Ian Cook, mostrou satisfação com o desempenhio do trimestre, "apesar de uma atividade competitiva agressiva e condições econômicas difíceis no mundo". "Olhando à frente, estamos otimistas de que 2010 será outro ano de crescimento de dois dígitos no lucro por ação, consistente com nossa meta de longo prazo", notou Cook.