Tamanho do texto

Resultado supera previsões de analistas, mas ações caem por temor de gastos excessivos

selo

A empresa de comércio eletrônico Amazon divulgou que seu lucro no terceiro trimestre de 2010 aumentou 16%, para US$ 231 milhões (R$ 392 milhões), ou US$ 0,51 por ação, de US$ 199 milhões (US$ 0,45 por ação) no mesmo período do ano passado. Analistas esperavam lucro de US$ 0,48 por ação. As vendas líquidas da empresa aumentaram 39%, para US$ 7,56 bilhões, de US$ 5,45 bilhões. Em julho, a Amazon estimou uma receita de US$ 6,9 bilhões a US$ 7,63 bilhões. A margem bruta subiu para 23,5%, de 23,4%.

Apesar dos bons resultados, as ações da Amazon operavam em queda no after hours. Investidores acreditam que a empresa está gastando demais e que houve um aumento na possibilidade de uma queda na receita operacional no quarto trimestre. A empresa divulgou hoje uma estimativa de receita entre US$ 12 bilhões e US$ 13,3 bilhões para o período, em comparação com uma previsão média de US$ 12,3 bilhões dos analistas ouvidos pela Thomson Reuters. No terceiro trimestre, a despesa operacional da Amazon aumentou 40% ante o mesmo período do ano passado.

Até o fechamento da sessão regular hoje, as ações da empresa acumulavam alta de 23% no ano, próximas das máximas históricas. Às 19h05 (de Brasília), as ações registravam queda de 4,34%, a US$ 157,81 no after hours. As vendas de produtos eletrônicos e mercadorias em geral aumentaram 68%.

A empresa tem aumentado sua participação no mercado ao reduzir os preços e aumentar o número de produtos que oferece, incluindo um crescente número de mercadorias de terceiros vendidas pelo seu site. O e-reader Kindle e a unidade de venda de livros digitais encontraram uma forte competição no terceiro trimestre deste ano, o que fez com que a Amazon aumentasse seus gastos com publicidade. A empresa disse que a versão mais recente do e-reader é a que foi vendida mais rapidamente, mas não forneceu números. As informações são da Dow Jones.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.