Tamanho do texto

No acumulado do primeiro bimestre, a receita líquida consolidada mostra recuo de 30,3%

A Randon, maior fabricante latino-americana de implementos rodoviários, informou hoje que sua receita líquida consolidada totalizou R$ 257,9 milhões em fevereiro, com queda de 19,1% ante o registrado um ano antes.

Em documento encaminhado à Comissão de Valores Mobiliários (CVM), a companhia informa ainda que, no acumulado do primeiro bimestre, a receita líquida consolidada mostra recuo de 30,3%, na mesma base de comparação, para R$ 404,1 milhões. Já a receita bruta total - sem eliminação e com impostos - em fevereiro ficou em R$ 400 milhões, 18,1% inferior ao registrado no mesmo mês de 2011.

No acumulado dos dois primeiros meses do ano, a receita bruta foi 30,9% menor, com R$ 619,5 milhões. Segundo a Randon, o desempenho neste início de ano reflete "os efeitos já esperados decorrentes da introdução da nova lei de emissões para motores em veículos comerciais (EURO V), que promoveu queda na produção de caminhões e ônibus."

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.