Tamanho do texto

Vencedor da primeira Parceria Público Privada da cidade é formado pelas empreiteiras OAS, Carioca Engenharia e Norberto Odebrecht

O consórcio Porto Novo foi escolhido na terça-feira (26) o vencedor para executar as obras do projeto Porto Maravilha. O vencedor da primeira Parceria Público Privada (PPP) da cidade do Rio, no valor de R$7,3 bilhões, é formado pelas empreiteiras OAS, Carioca Engenharia e Norberto Odebrecht. O grupo será responsável pela segunda etapa dos trabalhos com concessão de 15 anos.

Segundo a prefeitura do Rio, as obras devem começar em janeiro de 2011 e terão que ficar prontas até as Olimpíadas de 2016. Entre as ações previstas está a derrubada de parte do Elevado da Perimetral, entre o Arsenal de Marinha e a avenida Francisco Bicalho. A operação está prevista para começar em 2013.

Para isso, vai ser necessário a perfuração de um mergulhão sob a avenida Rodrigues Alves. Será construída também a avenida Binário, com seis pistas ligando a Praça Mauá à avenida Francisco Bicalho. A via terá um túnel passando por baixo da sede da Polícia Federal.

O consórcio Porto Novo ficará responsável também pela manutenção dos serviços públicos na área, como iluminação, coleta de lixo e o plantio de árvores.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.