Tamanho do texto

A Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP) informou hoje que os testes feitos no poço de Franco, na Bacia de Santos, indicaram uma vazão de 50 mil barris de petróleo por dia

A Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP) informou hoje que os testes feitos no poço de Franco, na Bacia de Santos, indicaram uma vazão de 50 mil barris de petróleo por dia. O volume é superior ao verificado em alguns dos poços perfurados pela Petrobras na área de Tupi, por exemplo.

Segundo a ANP, os testes indicaram ainda que o petróleo encontrado tem 30º API. Com reservas estimadas em 4,5 bilhões de barris, Franco foi perfurado pela ANP em busca de reservas para a cessão onerosa com a Petrobras, parte do processo de capitalização da companhia. A ANP está agora perfurando um segundo poço na mesma região, chamado provisoriamente de Libra.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.