Tamanho do texto

Investigações sobre possível existência de cartel em licitações do setor ferroviário não devem interferir no leilão do Trem de Alta Velocidade (TAV) marcado para 19 de setembro

Reuters

Leilão do trem-bala acontece dia 19 de setembro
Reprodução
Leilão do trem-bala acontece dia 19 de setembro

O ministro dos Transportes, Cesar Borges, descartou nesta quarta-feira hipótese de cancelamento do leilão de concessão do trem-bala, em função de investigações sobre possível existência de cartel no setor ferroviário .

"Não há hipótese", disse o ministro ao ser questionado sobre eventual cancelamento do leilão de concessão do trem que ligará Campinas (SP), São Paulo e Rio de Janeiro.

No início do mês, o Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) e a Polícia Federal realizaram operação conjunta para investigar suposto cartel em licitações para aquisição de carros ferroviários, além da manutenção e construção de linhas de metrô e trens em São Paulo e no Distrito Federal.

Veja também: Segundo semestre será marcado por temporada de concessões

O governo pretende realizar em 19 de setembro o leilão para escolher a tecnologia e o operador do trem de alta velocidade. O investimento total estimado pelo governo no trem-bala está na casa dos R$ 35 bilhões.

    Notícias Recomendadas

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.