Tamanho do texto

Porta-voz da operadora de TV a cabo do bilionário norte-americano John Malone disse ainda que não comenta rumores de fusões e aquisições

Reuters

A operadora de TV a cabo Liberty Global, do bilionário norte-americano John Malone, negou ter feito proposta à francesa Vivendi pela operadora brasileira de banda larga GVT.

LeiaDona da TIM ainda pode comprar a GVT

"Não comentamos rumores de fusões e aquisições, mas podemos confirmar que não fizemos uma oferta pela GVT", disse um porta-voz nesta quinta-feira.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.