Tamanho do texto

No acumulado do ano, alta é de 3,4% em relação ao mesmo período do ano passado; líder no crescimento continua sendo o comércio, com alta de 8,4%; indústria cresce 0,6

Agência Estado

O consumo de energia elétrica no País cresceu 1,8% em setembro em relação a igual mês de 2011, e alcançou 37,6 mil gigawatts-hora (GWh), informou nesta segunda-feira a Empresa de Pesquisa Energética (EPE). No acumulado deste ano, o consumo brasileiro de energia soma 334,157 mil GWh, alta de 3,4% ante igual período do ano passado.

Conforme a Resenha Mensal do Mercado de Energia Elétrica, a classe comercial segue liderando a expansão do mercado nacional de energia elétrica, com crescimento de 6,2% em setembro, ante igual período do ano passado, com destaque para o desempenho da região Sul, onde o consumo do setor de comércio e serviços cresceu 8,4%.

Já o consumo das indústrias apresentou ligeira melhora no mês passado, em relação a agosto, com leve expansão de 0,6% na série dessazonalizada, mas ainda registrou um recuo de 1,3% na comparação com setembro de 2011.

A EPE avalia que o setor segue refletindo as incertezas quanto ao cenário externo e destaca que os segmentos da cadeia minero-metalúrgica, como extração de metais não ferrosos e siderurgia, continua apresentando menor consumo em relação ao ano passado. "Como a produção dessas commodities é fortemente voltada para exportação, as incertezas sobre a demanda externa têm se refletido em queda em seus preços, levando à diminuição do ritmo de produção e à postergação de novos investimentos", diz a EPE em sua resenha.

As residências, por sua vez, tiveram um aumento de 2,2% na demanda por energia elétrica em setembro, acumulando crescimento de 4,3% de janeiro a setembro. A EPE destacou a expansão nas regiões Norte (8,8%) e Centro-Oeste (7,5%).

    Notícias Recomendadas

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.