Tamanho do texto

No Brasil, a empresa alcançou uma participação de mercado de 5,3% com a venda de 46.153 veículos

A receita da Renault a entre julho e setembro deste ano somou 8,7 bilhões de euros (US$ 11,9 bilhões), o que representa um avanço de 7,6% em relação a igual período de 2009. Excluindo variações cambiais, a alta foi de 3,6%. De acordo com o balanço parcial divulgado hoje pela montadora francesa, as vendas de veículos entre julho e setembro somaram 591.855 unidades - avanço de 5,6% em um ano.

O grupo destacou ter elevado sua participação em 12 dos 15 mercados onde atua. Na região Américas, a empresa registrou um salto de 41,3% em vendas no terceiro trimestre em relação a julho-setembro de 2009.

No Brasil, a empresa alcançou uma participação de mercado de 5,3% com a venda de 46.153 veículos.

A montadora elevou sua expectativa de crescimento do mercado automobilístico global de 8% para 9% este ano e reduziu sua previsão de recuo no mercado europeu para queda de 5%, ante uma redução de 7% prevista anteriormente. "Suportados pela força dos mercados internacionais e ganhos de participação, as vendas globais estão previstas em mais de 2,5 milhões de veículos em 2010", afirmou a empresa em comunicado.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.