Tamanho do texto

Companhia já tem negócio fechado para ampliar em 70% os embarques na comparação com o mesmo período de 2009

A Usiminas informou nesta quinta-feira que vai ampliar em 70% as exportações do aço no quarto trimestre do ano na comparação com o mesmo período de 2009. Segundo Wilson Brumer, presidente da companhia, um negócio já fechado vai garantir o aumento do volume da saída do produto e ajudar também a aliviar o alto estoque de aço da siderúrgica.

No último trimestre de 2009, a Usiminas vendeu 1,7 milhão de toneladas de aço – do total comercializado, 29% tiveram como destino o mercado externo. Atualmente as exportações correspondem a 20% das vendas da companhia.

Também está nos planos da siderúrgica acelerar o processo para reduzir os estoques no último trimestre do ano, que foi bastante tímido até setembro. A meta é diminuir de 22% para 15% o volume dos estoques até 2011.

De acordo com Brumer, o mercado de aços planos – usados, por exemplo, pelas montadoras de automóveis – vive um momento desfavorável, principalmente pelo aumento das importações do aço, que chegam ao Brasil com preços mais atrativos. Até o final do ano, o presidente estima que o Brasil deva importar mais de cinco milhões de toneladas. “Não somos contra a importação, mas deveria existir mais fiscalização nas entradas do produto”.

Apesar do difícil momento vivido pelas siderúrgicas, a Usiminas apresentou aumento nos lucros no terceiro trimestre de 2010. Segundo balanço divulgado nesta quinta-feira, os ganhos da companhia cresceram 14% na comparação com o mesmo período de 2009. O lucro obtido foi de R$ 495 milhões.

O volume das vendas caiu 9% no trimestre na comparação com o mesmo período de 2009. De julho a setembro de 2010 foram vendidas 1,55 milhão de toneladas, no mesmo período do ano passado foram comercializadas 1,69 milhão de toneladas.

Segundo analistas do setor ouvidos pelo iG , as siderúrgicas estão com o estoque duas vezes maior na comparação com 2009, o que deve impactar bastante os negócios das siderúrgicas no último trimestre do ano, principalmente as companhias que atuam no segmento de aços planos, como a Usiminas.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.