Tamanho do texto

A ideia é reproduzir em laboratório o comportamento das matérias-primas no processo industrial

A Usiminas informou nesta terça-feira que está investindo R$ 650 mil no centro de tecnologia instalado na usina de Ipatinga, em Minas Gerais. Os recursos são destinados, principalmente, à modernização da máquina piloto de sinterização. A ideia é reproduzir em laboratório o comportamento das matérias-primas no processo industrial, além de levantar informações a projetos de reciclagem de resíduos e à avaliação da emissão de gases do processo de sinterização.

Em nota, o diretor de pesquisa e inovação da Usiminas, Darcton Damião, afirma que as pesquisas permitirão a preservação de equipamentos originais e a economia de custos em relação a testes realizados apenas na linha de produção. O centro de tecnologia da Usiminas já tem 40 anos de atividades. Em fevereiro, após investimentos de R$ 2,5 milhões, a Usiminas inaugurou um simulador de operações de resfriamento acelerado de chapas grossas especiais, usadas na cadeia do pré-sal.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.