Tamanho do texto

A Petrobras obteve as licenças de instalação para início das obras de parques eólicos no Rio Grande do Norte

A Petrobras obteve as licenças de instalação para início das obras de parques eólicos no Rio Grande do Norte. O Instituto de Desenvolvimento Sustentável e Meio Ambiente (Idema) concedeu as licenças, com as quais a companhia tem a expectativa de entrada em operação de quatro usinas em setembro de 2011. O valor do investimento não foi revelado.

Os parques eólicos no município de Guamaré são formados por quatro usinas (Mangue Seco 1, 2, 3 e 4), a serem construídas no entorno da Refinaria Clara Camarão. Cada uma terá 13 turbinas e 26 megawatts (MW) de capacidade instalada, com capacidade total de 104 MW, conforme comunicado da estatal. Em dezembro do ano passado, a Petrobras participou do primeiro leilão de energia eólica realizado no País, com esses quatro empreendimentos. Os contratos de venda de energia são válidos por 20 anos. A usina Mangue Seco 1 será construída em parceria com a Alubar Energia, enquanto a Mangue Seco 2 com a Eletrobras e as usinas 3 e 4, com a Wobben Windpower.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.