Tamanho do texto

Valor do contrato é de R$ 115 milhões e prevê a automação de oito plataformas, com contratação de 80 pessoas

A Altus fechou com a Petrobras o fornecimento de sistemas de automação das oito primeiras plataformas para as operações em larga escala do pré-sal da bacia de Santos, sendo seis nos campos de Lula e Cernambi e duas em Guará e Carioca, informou a empresa nesta quarta-feira.

O contrato, no valor de R$ 115 milhões, contempla automação e controle das oito plataformas e é formado por 12 sistemas integrados relacionados aos processos de produção, detecção de fogo e gás e desligamento de emergência.

Segundo o presidente da Altus, Luiz Gerbase, já na primeira plataforma a companhia atingiu a exigência de conteúdo nacional de 80 por cento para os equipamentos fornecidos à estatal, o que era previsto apenas para acontecer na oitava plataforma.

As oito plataformas possuem a mesma concepção de construção e são réplicas de um só projeto produzido em série no Estaleiro Rio Grande (RS). Essa é a maior encomenda simultânea desse tipo no mercado mundial de petróleo, segundo a Altus.

A empresa vai contratar 80 pessoas para tocar o projeto.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.