Tamanho do texto

A Petrobras detém 65% do consórcio para exploração do bloco BM-ES-23, junto com Shell Brasil (20%) e Inpex Petróleo (15%)

selo

A Petrobras anunciou nesta quinta-feira a descoberta de nova acumulação de hidrocarbonetos nos reservatórios do Cretáceo da Bacia do Espírito Santo. A descoberta resultou da perfuração do poço 1-BRSA-926D-ESS (1-ESS-205D), informalmente denominado Brigadeiro, em lâmina d'água de 1.900 metros, localizado na área de Concessão BMES-23, bloco ES-M-525, a 115 km da costa do Estado do Espírito Santo.

A Petrobras detém 65% do consórcio para exploração do bloco BM-ES-23, formado ainda pelas empresas Shell Brasil Petróleo Ltda (20%) e Inpex Petróleo Santos Ltda (15%). De acordo com a estatal, a descoberta foi comprovada por meio de perfilagem e amostragem de fluído em teste a cabo, nos reservatórios localizados em profundidade de cerca de 4.200 metros.

O consórcio dará continuidade às atividades na área de concessão, onde está perfurando outros dois poços, referentes ao Programa Exploratório Mínimo, segundo comunicado. Após a conclusão do programa, o consórcio possivelmente levará à Agência Nacional do Petróleo (ANP) uma proposta de plano de avaliação com a finalidade de delimitar a acumulação descoberta.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.