Tamanho do texto

Companhia estima produção média entre 10 mil e 13 mil barris por dia nos próximos meses

A primeira carga de petróleo da OGX para a Shell, de 600 mil barris, será entregue até o final de março, informou a companhia nesta sexta-feira, em teleconferência.

A entrega da carga marca o início da geração de caixa da OGX.

Segundo o diretor-geral de exploração da companhia, Paulo Mendonça, o cronograma de perfuração da companhia até 2013 foi ampliado de 87 para 121 poços.

A OGX prevê a perfuração de 26 poços neste ano, em comparação com os 19 poços originalmente previstos, disse o diretor-geral.

A companhia estimou também uma produção média de petróleo entre 10 mil e 13 mil barris por dia nos próximos meses, com uma taxa de sucesso de exploração de 90 por cento nos 59 poços já perfurados, segundo um documento da teleconferência.

Até o fim do ano a empresa prevê uma produção de petróleo entre 40 mil e 50 mil barris diários.

A OGX espera participar de leilões de concessão na colômbia, ainda de acordo com o documento.

(Reportagem de Leila Coimbra)

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.