Tamanho do texto

SÃO PAULO - A fabricante de máquinas e equipamentos Romi informou hoje que teve lucro de R$ 25,302 milhões no terceiro trimestre, superando com folga os R$ 3,060 milhões do mesmo período do ano passado, conforme balanço que já está dentro do padrão contábil internacional (IFRS)

SÃO PAULO - A fabricante de máquinas e equipamentos Romi informou hoje que teve lucro de R$ 25,302 milhões no terceiro trimestre, superando com folga os R$ 3,060 milhões do mesmo período do ano passado, conforme balanço que já está dentro do padrão contábil internacional (IFRS). O resultado segue um crescimento de 39% da receita líquida, que somou R$ 169,552 milhões, e um salto de 242,8% do resultado operacional medido pelo Ebitda (sigla em inglês para lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização), que atingiu R$ 30,518 milhões entre julho e setembro (margem de 18%). A companhia atribui o resultado à redução das taxas de juros nos financiamentos de máquinas pelo Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), somada à melhora da confiança da indústria e à recomposição dos estoques na economia. Em setembro, a carteira de pedidos da Romi alcançou R$ 213,323 milhões, uma alta de 50,9% em um ano. (Eduardo Laguna | Valor)

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.