Tamanho do texto

Estatal produz 15% do minério de ferro da Índia e tem buscado minas de ferro no exterior ; Greystone possui 6 licenças na Bahia

Rana Som, presidente do conselho e diretor geral da National Mineral Development (NMDC)
Getty Images
Rana Som, presidente do conselho e diretor geral da National Mineral Development (NMDC)
A mineradora estatal indiana National Mineral Development Corp. (NMDC) está em negociações para comprar o controle da Greystone Mineração do Brasil por US$ 1 bilhão (R$ 1,6 bilhão pelo câmbio atual) , afirmou o jornal Economic Times, citando duas fontes envolvidas nas conversas.

A NMDC está conduzindo uma "due diligence" (auditoria) para estudar aspectos técnicos, financeiros e legais das minas de ferro, estimadas em 260 milhões de toneladas, segundo o artigo.

O custo de US$ 1 bilhão incluiria despesas com infraestrutura para o desenvolvimento das minas.

A NMDC não pôde ser contatada imediatamente para comentar as informações.

O alvo da aquisição detém 6 licenças exploratórias na Bahia. A Greystone também desenvolve um projeto de minério de ferro de US$ 3 bilhões no Uruguai, onde busca um sócio, aafirma o jornal.

A NMDC, que produz 15% do minério de ferro da Índia, tem buscado minas de ferro no exterior para atender às necessidades de compradores internacionais.

No mês passado, a empresa estatal comprou 50% da australiana Legacy Iron Ore.

Até 15 de novembro de 2010, a mineradora do Cazaquistão ENRC poderia exercer uma opção  para comprar a Greystone Mineração do Brasil. A empresa tem uma base de recursos de 147 milhões de toneladas com média de conteúdo de ferro de 31,8%

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.