Tamanho do texto

Em 2010, a petroquímica lucrou R$ 1,889 bilhão

selo

A Braskem registrou prejuízo líquido de R$ 201 milhões no quarto trimestre de 2011, ante lucro líquido de R$ 356 milhões em igual intervalo de 2010. Em todo o ano de 2011, houve prejuízo líquido de R$ 517 milhões, sendo que em 2010 houve lucro líquido de R$ 1,889 bilhão.

A receita líquida de vendas atingiu R$ 8,710 bilhões no quarto trimestre do ano passado, alta de 25% sobre o mesmo período do ano anterior. Em todo o ano de 2011, a receita líquida de vendas foi de R$ 33,176 bilhões, aumento de 30% em relação a 2010.

O Ebitda (lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização) somou R$ 718 milhões no quarto trimestre do ano passado, 33% menor na comparação com o mesmo período de 2010. A margem Ebitda ficou em 8,2%, recuo de 7,2 pontos porcentuais. No acumulado de 2011, o Ebitda ficou em R$ 3,742 bilhões, uma queda de 8% sobre 2010.

A margem Ebitda ficou em 11,3%, queda de 3,3 pontos porcentuais. O resultado financeiro dos três últimos meses de 2011 ficou negativo em R$ 607 milhões, ante resultado igualmente negativo de R$ 541 milhões no quarto trimestre de 2010.

Em 2011, o resultado foi uma despesa de R$ 2,805 bilhões, ante R$ 1,328 bilhão negativo no ano anterior. Quattor, Sunoco, Unipar Comercial e Polibutenos não fazem parte do resultado consolidado da Braskem no período de janeiro a abril de 2010, pois foram adquiridas no segundo trimestre de 2010.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.