Tamanho do texto

Venda faz parte de estratégia da empresa para reduzir sua elevada dívida até 2014 para garantir alta classificação de grau de investimento

Reuters

MADRI - A companhia espanhola de energia Iberdrola firmou acordo para vender a participação de 20% que detém no oleoduto Medgaz para a belga Fluxys, em meio ao processo de alienação de ativos para reduzir seu endividamento.

A Iberdrola informou nesta sexta-feira (28) que a operação no valor de 146 milhões de euros (US$ 193 milhões ou R$ 394 milhões) foi acordada na véspera.

O oleoduto, localizado entre a Argélia e a Espanha, tem ainda entre os acionistas a petrolífera Cepsa e a estatal Sonatrach, da Argélia.

A empresa espanhola já havia afirmado que reduziria sua dívida de 32 bilhões de euros para 26 bilhões até 2014, buscando garantir a elevada classificação de grau de investimento, pelo que a aceleração da venda de ativos era esperada.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.