Tamanho do texto

Companhia vai gastar mais de US$ 100 milhões para montar os computadores em solo norte-americano, segundo o presidente-executivo Tim Cook

Reuters

Crescimento de salários diminui a vantagem de fábricas de computadores da Apple na China
Getty Images
Crescimento de salários diminui a vantagem de fábricas de computadores da Apple na China

A Apple planeja tirar da China e levar de volta aos Estados Unidos parte da produção dos computadores Mac em 2013, disse o presidente-executivo Tim Cook, de acordo com matéria nesta quinta-feira.

A companhia vai gastar mais de US$ 100 milhões para montar os computadores nos EUA, afirmou Cook em entrevista à agência Bloomberg.

Cook afirmou em entrevista à NBC que somente uma das linhas de Mac que já existem serão fabricadas somente nos Estados Unidos.

Ele disse à NBC em uma entrevista a ser transmitida ainda nesta quinta-feira que apenas uma das linhas existentes do Mac seria fabricada exclusivamente nos Estados Unidos.

Os custos trabalhistas mais baixos fizeram as companhias norte-americanas transferirem a produção para a China, mas a tendência de alta salarial no país asiático tem diminuído essa "vantagem" ante os Estados Unidos.

(Por Nicola Leske)


    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.