Tamanho do texto

"Pode ser 2012/2013, um aumento único", disse a presidenta da empresa Graça Foster

Agência Estado

A presidenta da Petrobras, Graça Foster
Agência Petrobras
A presidenta da Petrobras, Graça Foster

A presidenta da Petrobras, Graça Foster, disse nesta quinta-feira que, embora não haja data ou previsão firme para um reajuste de combustíveis, o plano de negócios da empresa prevê um aumento de preço da ordem de 15% no período de 2012/2013.

- Petrobras conta com cumprimento de prazo de obras no RS

"No plano de negócios da Petrobras, tem a previsão de ter um aumento ao longo de 2012, 15%, mas não necessariamente 2012, pode ser 2012/2013, um aumento único de 15%. Não há urgência, definitivamente."

A executiva passou o dia na cidade de Rio Grande, no Rio Grande Sul, em reuniões fechadas. Os encontros foram com representantes do consórcio Quip, que constrói as plataformas P-58 e P-63, e com o Estaleiro Rio Grande, onde a P-55 está sendo finalizada.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.