Tamanho do texto

Recentemente, a empresa anunciou que existiam pelo menos dez interessados em seus ativos no país, mas desta vez não detalhou ofertas nem quais áreas serão negociadas

Reuters

A petrolífera brasileira HRT concluiu acordo de intenção de venda de fatia em blocos que possui na Namíbia, disse nesta terça-feira o presidente-executivo da HRT America, Wagner Peres, que comanda as operações na África.

Ele não disse com qual empresa está sendo feita a negociação, quais fatias serão vendidas ou qual o valor da transação, mas disse que a parceria deverá ser concluída até o fim de novembro e anunciada posteriormente.

"A negociação que temos no momento não nos permite dar detalhes até que seja completamente concluída. Esperamos que termine no fim de novembro, quando serão divulgadas informações adicionais", disse Peres em teleconferência com analistas para detalhar o resultado do terceiro trimestre da empresa.

Recentemente a HRT anunciou que existiam pelo menos dez interessados em seus ativos no país africano.

Um mapeamento geológico dos blocos identificou sete grandes prospectos na Namíbia com potencial de recursos de aproximadamente 28 bilhões de óleo equivalente (não-riscados), segundo informou a HRT em maio.

A companhia possui 12 blocos no país africano, sendo operadora com 100% de participação em dois na bacia de Walvis, e possui mais de 90% de participação em oito blocos na bacia de Orange.

A empresa possui ainda uma participação de 3%, como não operadora, em dois blocos na bacia de Namibe. Os blocos cobrem uma área total de 68.800 quilômetros quadrados.

Os recursos oriundos da negociação deverão ser utilizados pela companhia para financiar a campanha exploratória no país africano.

EXPLORAÇÃO

O diretor-presidente da HRT, Marcio Mello, disse nesta terça-feira que pretende iniciar a campanha exploratória no país africano no primeiro trimestre de 2013.

A companhia já contratou junto à Transocean a sonda Marianas, que será entregue em janeiro próximo para iniciar a perfuração dos poços.

As ações da HRT operavam em queda de 2,7% às 13h48, após a teleconferência, enquanto o Ibovespa registrava baixa de 0,5% no mesmo horário. A empresa reportou prejuízo de 140,2 milhões de reais no terceiro trimestre.

(Reportagem de Leila Coimbra e Jeb Blount)

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.