Tamanho do texto

Unidade da empresa de produtos biotecnológicos deve entrar em operação em 2015, com previsão de produção anual de 20 milhões de frascos de insulina

Agência Estado

A Biomm Technology, empresa brasileira especializada em produtos biotecnológicos, confirmou nesta terça-feira a intenção de investir R$ 330 milhões na construção de uma planta para produção de insulina humana e proteínas terapêuticas em Nova Lima, na região metropolitana de Belo Horizonte. A unidade deve entrar em operação em 2015, com previsão de produção anual de 20 milhões de frascos de insulina.

O produto movimentou no ano passado cerca de US$ 14 bilhões e a estimativa é de um crescimento de 20% na demanda até o ano em que a unidade de Nova Lima deve começar a produzir. Do total do investimento na planta, R$ 56 milhões serão financiados pela Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais (Fapemig) e pelo Banco de Desenvolvimento de Minas Gerais (BDMG), que ainda tem participação de R$ 29 milhões no capital acionário.

De acordo com a Biomm, o projeto vai gerar 208 empregos diretos e 624 indiretos. A empresa, com sede na capital mineira, foi criada em 2001, por meio de uma cisão da Biobrás, comprada pela dinamarquesa Novo Nordisk, uma das líderes do mercado mundial de insulina e que já tem uma unidade para fabricação do produto em Montes Claros, no norte de Minas.

    Notícias Recomendadas

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.