Tamanho do texto

A lenta demanda chinesa por aço e incertezas sobre sua recuperação econômica reduzem as perspectivas de uma recuperação da commodity para as máximas do ano

Reuters

O preço do minério de ferro no mercado à vista na China caiu mais nesta terça-feira, à medida que valores mais baixos do aço não encorajam siderúrgicas a comprarem mais a matéria-prima, após alguma recomposição de estoques na semana passada.

A lenta demanda chinesa por aço e incertezas sobre quando ela vai se recuperar levaram produtores a limitarem as compras de minério, deixando os preços em um intervalo abaixo de 120 dólares a tonelada, o que obscurece perspectivas de uma recuperação da commodity para as máximas do ano.

Os preços oferecidos na China por cargas de minério do principal exportador, a Austrália, caíram um dólar por tonelada na terça-feira, segundo a consultoria Umetal, com sede em Pequim.

O Steel Index, para o minério com 62% de teor de ferro, também mostrou uma queda nesta terça-feira., fechando abaixo de 113 dólares por tonelada.

Apesar de uma recuperação das mínimas de três anos registradas no mês passado, de 87 dólares por tonelada, o minério ainda está cerca de um quarto abaixo da máxima do ano, de 149,40 dólares por tonelada.

"Ainda há algumas compras ocorrendo, mas os compradores estão pedindo descontos", afirmou um trader de minério de ferro em Xangai.

"As pessoas geralmente tendem a ficar céticas sobre tomar carregamentos quando os preços do aço estão caindo. Mas eu acho que os preços não vão abaixo de 110 dólares", acrescentou.

(Por Manolo Serapio Jr)