Tamanho do texto

Recursos serão destinados ao projeto de cogeração de energia e vapor do Complexo Petroquímico do Rio (Comperj) e à redução de queima de gás da bacia de Campos (RJ)

Reuters

A Petrobras assinou na sexta-feira um contrato em Tóquio para financiamento de até 1 bilhão de dólares com bancos japoneses, informou a companhia nesta segunda-feira.

O Japan Bank for International Cooperation (JBIC) será responsável pelo empréstimo de até 600 milhões de dólares do montante total e por prover garantias parciais aos outros US$ 400 milhões, que serão emprestados pelo The Bank of Tokyo-Mitsubishi UFJ (BTMU).

Em nota à imprensa, a estatal informou que o financiamento terá como destino projetos de eficiência energética, que possibilitarão menos emissões de gases de efeito estufa.

Os recursos serão destinados ao projeto de cogeração de energia e vapor do Complexo Petroquímico do Rio de Janeiro (Comperj) e ao programa de redução de queima de gás da bacia de Campos (RJ).

Este é o primeiro financiamento de grande porte contratado pela Petrobras para esse tipo de projeto.

A companhia informou ainda que também foi assinado um memorando de entendimento entre a estatal e o JBIC visando à identificação de futuras oportunidades de negócios.

"A Petrobras e JBIC construíram uma estreita relação de cooperação durante muitos anos, tendo já implementado uma série de operações em conjunto. Tanto a operação de financiamento quanto o Memorando de Entendimentos reforçarão ainda mais a relação entre as partes", disse a empresa em nota.

(Reportagem de Leila Coimbra)


    Notícias Recomendadas

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.