Tamanho do texto

Companhia francesa teria dito a fontes sindicais que vai começar a construir em dois locais no país durante o primeiro trimestre de 2013 com o objetivo de abrir o negócio em 2014

Reuters

A Air France-KLM planeja expandir seu negócio de manutenção na China para explorar o mercado de aviação em expansão na Ásia, disse uma fonte sindical na sexta-feira.

A companhia francesa disse aos representantes dos trabalhadores na quinta-feira que vai começar a construir em dois locais durante o primeiro trimestre de 2013 com o objetivo de abrir o negócio em 2014, disse a fonte, que participou da reunião.

Air France-KLM terá uma fábrica em Xi'an especializada em manutenção mecânica e metade de uma fábrica em Xangai em uma joint venture com uma parceira chinesa. A última vai garantir manutenção de equipamentos elétricos de bordo.

MaisTráfego de passageiros da Air France cresce 4,6% em junho

"Havia uma preocupação com uma mudança do volume de trabalho para a China, mas a Air France deu garantias sobre o assunto", disse a fonte, acrescentando que a maioria dos sindicatos apoiou o plano durante a reunião.

A empresa, formada após uma fusão entre uma transportadora francesa e uma holandesa, se recusou a comentar o assunto.

TambémAir France prevê corte de 5.120 funcionários até o final de 2013 sem demissões

O negócio de manutenção da empresa teve lucro de 1,57 bilhão de euros (US$ 2 bilhões) no primeiro semestre, dos quais 523 milhões eram de clientes estrangeiros contra 495 milhões no mesmo período em 2011.

A Air France-KLM tem planos para cortar 5 mil empregos para dar uma reviravolta em seus negócios de curto e médio prazos, que perderam cerca de 500 milhões de euros no ano passado.