Tamanho do texto

Em comunicado, a companhia aérea afirma que o cancelamento da encomenda de 35 aeronaves 787-9 da Boeing trará uma economia de US$ 8,5 bilhões

Valor Online

Australiana Qantas cancelou pedidos junto à Boeing
Getty Images
Australiana Qantas cancelou pedidos junto à Boeing

A companhia aérea Qantas anunciou hoje o cancelamento da encomenda de 35 aeronaves 787-9 da Boeing. O anúncio veio logo depois de a empresa divulgar um prejuízo de 245 milhões de dólares australianos no ano fiscal encerrado em junho. Em comunicado, a Qantas afirma que a medida trará uma economia de US$ 8,5 bilhões, pelo preço listado dos aviões.

MaisQantas descarta interesse em fatia da Japan Airlines

O presidente da empresa, Alan Joyce, afirmou que as circunstâncias mudaram desde que o contrato havia sido fechado com a Boeing. "No contexto de levar a companhia de volta ao lucro, essa é uma decisão prudente", disse em nota.

A Qantas informou ainda que não alterou os planos de aquisição das 15 aeronaves 787-8 da Boeing, cujas primeiras unidades serão entregues no segundo semestre de 2013. Com a chegada desses aviões, a companhia pretende aposentar a frota dos Boeing 767.