Tamanho do texto

Empresários mexicanos que vieram prospectar mercado buscam diversificar mercados

EFE

São Paulo, 28 jun (EFE).- A indústria de alimentos e bebidas do México procura expandir-se no mercado brasileiro, atualmente seu quarto principal destino na América do Sul. "Buscamos consolidar negócios a longo prazo, pois o Brasil é uma plataforma para chegar a terceiros países e oferece diversas oportunidades em seu mercado interno", assinalou à Agência Efe Fernando Zuloaga Albarrán, ministro-conselheiro da Secretaria de Agricultura, Pecuária, Desenvolvimento Rural, Pesca e Alimentos do México.

Albarrán liderou a missão mexicana que participou do Salão Internacional de Alimentação para a América Latina 2012,  feira do setor que chegou ao fim nesta quinta-feira em São Paulo com a participação de missões empresariais de diversos países, em sua maioria latino-americanos.

O mexicano destacou a presença de representantes de 14 empresas exportadoras de seu país, que constituíram a maior missão no Brasil. "Com o acompanhamento institucional, vamos inspecionar mais o mercado do Brasil e identificar nichos de oportunidades, desenvolver esquemas de alianças estratégicas e começar a explorar as janelas dessas oportunidades", apontou Albarrán.

A "diversificação dos mercados" permitiu ao México levar a América Latina, Ásia e Europa os produtos frescos e processados que na década de 1990 eram destinados em mais de 90% aos consumidores dos Estados Unidos. Tequila, sardinha, grão-de-bico e alguns derivados do agave para o tratamento de diabetes foram os produtos com melhor projeção para o mercado brasileiro, segundo os estudos da Secretaria mexicana. EFE wgm/pa

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.