Tamanho do texto

Empresa já possui 20 jatos ERJ 145, também da Embraer, e quer ampliar frota de regionais

A Embraer anunciou que entregou hoje dois jatos E190 à Aliança Ucraniana de Aviação. A empresa aérea receberá mais três aeronaves até o fim deste ano. Os jatos serão operados pela Dniproavia em nome da AeroSvit, ambas integrantes do grupo Aliança Ucraniana, servindo principalmente à rede regional internacional da companhia aérea.

Leia:  Embraer conseguirá reativar fábrica na China

Segundo a Embraer, o E190 foi selecionado para substituir jatos "narrow body", menores, mais antigos da frota, em um esforço para adequar o tamanho das aeronaves em algumas rotas, além de ampliar a rede regional internacional com novos destinos e aumentar frequências em outros.

A Windrose Aviation, empresa com base em Kiev que opera voos charter e oferece serviços completos de operação ACMI (Aircraft, Crew, Maintenance and Insurance, na sigla em inglês), também possui um E195, que é fretado para companhias aéreas membros da Aliança Ucraniana. Atualmente, 20 jatos ERJ 145, também da Embraer, estão na frota da Dniproavia.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.