Tamanho do texto

Banco brasileiro investe US$ 158 milhões na petrolífera nacionalizada pelo governo Kirchner

Operação é efetuada por meio da filial do banco brasileiro nas Ilhas Cayman
EFE / ENRIQUE GARCIA MEDINA
Operação é efetuada por meio da filial do banco brasileiro nas Ilhas Cayman

O Itaú Unibanco adquiriu uma participação de 3,6% na companhia petrolífera YPF, controlada pelo Estado argentino após a desapropriação das ações que pertenciam à espanhola Repsol.

Em comunicado enviado nesta terça-feira à Bolsa de Buenos Aires, a YPF informou que o Itaú Unibanco adquiriu no último dia 12, por meio de uma de suas filiais nas Ilhas Cayman, 3,609% dos títulos da companhia. A petrolífera disse ainda que a operação foi realizada a um preço de US$ 11,12 por título, o que equivale a um total de cerca de US$ 158 milhões.

Segundo a maior produtora de petróleo e gás da Argentina, a instituição financeira comunicou que não tem o propósito de "obter uma participação maior, nem obter o controle" da YPF. A operação concretizada pelo Itaú Unibanco se soma à realizada na quinta-feira passada pelo magnata mexicano Carlos Slim, que por meio das empresas Inbursa e Carso comprou 8,36% da YPF (US$ 340 milhões em títulos).

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.