Tamanho do texto

Maior crescimento do consumo em maio aconteceu no segmento comercial, com alta de 6%

O consumo de energia no Brasil atingiu 35.221 gigawatts-hora (GWh) em maio, um crescimento de 2,8% frente aos 34.277 GWh de maio do ano passado. No acumulado dos cinco primeiros meses de 2011, o consumo somou 178.003 GWh, 3,8% a mais do que os 171.457 GWh registrados entre janeiro e maio do ano passado.

Em 12 meses, o consumo de energia no país somou 421.823 GWh, uma alta de 5,6% frente aos 399.636 GWh dos 12 meses imediatamente anteriores. Os dados foram divulgados hoje pela Empresa de Pesquisa Energética (EPE).

O maior crescimento do consumo em maio aconteceu no segmento comercial, com alta de 6%, para 5.998 GWh, ante 5.658 GWh em maio do ano passado. O maior consumo continuou com a indústria, com 15.168 GWh em maio, 1% a mais do que os 15.025 GWh de maio do ano passado. O setor residencial teve consumo de 9.141 GWh, 5% superior aos 8.709 GWh de maio de 2010, enquanto outros segmentos viram o consumo subir 0,6%, de 4.885 GWh em maio do ano passado para 4.914 GWh no mês passado.

Entre os diferentes subsistemas, o Sudeste/Centro-Oeste teve a maior alta em maio, de 3,8%, passando de 20.638 GWh em maio de 2010 para 21.432 em igual mês deste ano. O segundo maior avanço foi no Norte interligado, com 3,7% de crescimento e consumo saltando de 2.374 GWh para 2.462 GWh entre maio do ano passado e igual mês de 2011. A seguir veio o Sul, com consumo de 5.888 GWh e alta de 3,1% frente aos 5.712 GWh de maio de 2010.

Os sistemas isolados apresentaram aumento de 2,4% no consumo, atingindo 579 GWh. A única queda foi registrada no Nordeste, de 2,5%, com o consumo passando de 4.997 GWh em maio de 2010 para 4.869 GWh no mês passado.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.