Tamanho do texto

Empresa diz que caso foram classificados como não atendidos por não satisfazerem as exigências dos consumidores

selo

O Carrefour encaminhou hoje nota à imprensa por meio da qual esclarece que parte das reclamações registradas pelo Procon-SP se refere a seu braço financeiro Carrefour Soluções Financeiras. Segundo a empresa, os registros foram analisados e tratados, mas foram classificados como não atendidos por não satisfazerem as exigências dos consumidores. Para este ano, a empresa tem por meta reduzir o número de demandas que chegam ao Procon. A seguir, a íntegra da nota: 

"O Grupo Carrefour esclarece que parte das manifestações registradas pelo Procon-SP se refere ao seu braço financeiro Carrefour Soluções Financeiras. As reclamações apresentadas pelo órgão foram analisadas e tratadas pela instituição, no entanto, classificadas como não atendidas, uma vez que não satisfizeram as exigências dos consumidores, por mais que o Carrefour Soluções Financeiras tenha apresentado uma proposta de resolução.

Para 2012, a empresa tem como meta reduzir o número de demandas que chegam ao Procon-SP e, principalmente, solucionar de forma satisfatória as questões de seus clientes. Entre as ações estão: revisão dos critérios de negociação de dívidas, capacitação de profissionais e intensificação do relacionamento com o Procon-SP.

As ações serão conduzidas em parceria com o Procon-SP e Febraban, onde o Carrefour já participa ativamente da Comissão de Ouvidoria e Relações com Clientes. No segmento de supermercados, o Carrefour registrou nível de satisfação dos clientes superior a 85% e continuará a promover melhorias em seu serviço de atendimento ao consumidor".

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.