Tamanho do texto

Segundo o presidente da Associação Brasileira de Lojistas de Shopping, o financiamento hoje para abertura de novas lojas, que gira em torno de dois a três anos, é muito pouco

Setor de shoppings centers responde por 18% do faturamento do varejo no País
Getty Images
Setor de shoppings centers responde por 18% do faturamento do varejo no País

Diante das 25 mil novas lojas que serão inauguradas em novos shoppings e com a expansão de centros comerciais já existentes, os lojistas conversam com bancos para facilitar o financiamento a grupos com até dez lojas. É o que declara o presidente da Associação Brasileira de Lojistas de Shopping (Alshop) Nabil Sahyoun.

- Conheça 50 franquias com investimento a partir de R$ 28 mil

"Esses pequenos grupos não têm acesso a investidores. É necessário ter ao menos 40 lojas para atrair este capital. Eu pergunto: onde os shoppings vão conseguir todas estas lojas sem incentivos?", declara.

Segundo ele, o financiamento hoje para abertura de novas lojas, que gira em torno de dois a três anos, é muito pouco. "Contamos nos dedos o número de redes hoje no País com mais de 700 lojas, o que é comum nos Estados Unidos".

O tempo de maturação de uma nova loja gira em torno de 36 meses, de acordo com Álvaro Jabur Maluf, da Camisaria Colombo.

Números expressivos

O setor de shoppings, de acordo com levantamento feito pelo instituto de pesquisas Ibope, somava, até dezembro de 2012, 828 empreendimentos em funcionamento, sendo que 30% deles passam por expansão.

Além disso, hoje 157 shoppings estão sendo construídos no País, e 120 projetos estão sendo analisados. Serão cerca de 50 novos empreendimentos a cada ano.

Veja também: Saiba como abrir uma microfranquia e evitar armadilhas

Como consequência, e com a ressalva de que há 8% a 10% de rotatividade de lojistas, serão 5 mil novos pontos de vendas a cada ano.

Hoje o setor de shoppings centers responde por 18% do faturamento do varejo no País, de acordo com a pesquisa.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.