Tamanho do texto

Agência suspendeu venda de pacote por considerar que ele pode gerar instabilidade na rede de suporte ao serviço de telefonia celular

Reuters

RIO DE JANEIRO - A Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) publicou nesta sexta-feira no Diário Oficial da União a suspensão da comercialização da promoção "Infinity Day", da TIM.

TIM está proibida de comercializar promoção
Tânia Rêgo/ABr
TIM está proibida de comercializar promoção "Infinity Day" por possível instabilidade na rede

A medida é mais um revés para a empresa do grupo Telecom Italia, que teve sua imagem abalada nos últimos meses após uma suspensão das vendas móveis em julho e de acusações de que derrubava certas chamadas para forçar usuários a realizarem novas ligações.

Segundo o texto publicado no DOU, a Anatel considera a "potencial instabilidade na rede de suporte ao SMP (Serviço Móvel Pessoal), bem como o prejuízo à qualidade da prestação do serviço aos usuários em geral da TIM Celular, em razão da promoção 'Infinity Day'".

O pacote promocional em questão permite ao usuário fazer quantas chamadas locais desejar para celulares da rede da TIM ao preço de 0,50 real num mesmo dia, com duração ilimitada, sendo tarifada apenas a primeira ligação local do dia, de acordo com informações da promoção no site da TIM.

Segundo o site da TIM, a promoção irá de 11 de novembro a 15 de janeiro. Um plano similar vale para chamadas interurbanas e fixas também dentro da rede da TIM.

Considerados "ilimitados" pela operadora, os diversos pacotes "Infitiny", que incluem também planos de dados, têm sido uma estratégia bem-sucedida da TIM, levando a operadora no ano passado ao segundo lugar da telefonia móvel no país em número de assinantes.

(Por Sérgio Spagnuolo; Edição Diogo Ferreira Gomes)

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.