Tamanho do texto

Alta foi de 5,2%, enquanto no ano passado o aumento tinha sido de 8,6%; segundo economistas, vendas foram afetadas pelo endividamento do consumidor

As vendas para o Dia dos Namorados, terceira data mais importante para o varejo depois de Natal e Dia das Mães, cresceram 5,2% na semana de 6 a 12 de junho, ante igual período em 2011, enquanto no ano passado a alta havia sido de 8,6%, informou a Serasa Experian nesta quarta-feira.

Se considerado apenas o final de semana que antecede a data (8 a 10 de junho), as vendas foram 4,2% maiores em relação ao ano anterior, quando haviam subido 4,9% sobre 2010.

MaisPresentes para namorados sobem 6,04% em um ano, aponta FGV

O desempenho inferior ao do ano passado ocorreu apesar da série de cortes nas taxas de juros, em meio às medidas adotadas pelo governo para incentivar o consumo no país.

Segundo os economistas da Serasa, as vendas foram afetadas pelo endividamento do consumidor, que está mais cauteloso quanto a novos parcelamentos. "Ciente de que sua prioridade é a renegociação de dívidas, o consumidor continuou com o pé no freio no que diz respeito às novas compras", afirmaram.

Ainda de acordo com a Serasa, o reflexo das medidas de estímulo ao consumo deve ocorrer apenas no segundo semestre, principalmente nos últimos três meses do ano.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.