Tamanho do texto

Empresa realizou 229 auditorias em 2011 e disse ter descoberto diversas violações ambientais em fábricas na China

A Apple divulgou nesta sexta-feira um relatório de auditorias feitas em seus principais fornecedores, dizendo ter descoberto diversas violações ambientais em fábricas na China.

A companhia de Cupertino, Estado norte-americano da Califórnia, notória por manter sua cadeia de abastecimento em segredo, pela primeira vez divulgou uma lista de seus principais fornecedores. A empresa informou ter conduzido 229 auditorias no ano passado, representando um aumento de 80% sobre 2010.

Leia mais : Apple compra empresa israelense por R$ 703 milhões

Ao todo, foram examinados todos os níveis de sua cadeia de fornecedores, incluindo as áreas de montagem final e de componentes, informou a Apple.

A gigante de eletrônicos de consumo também abrirá sua cadeia de fornecedores para uma equipe independente de auditoria da Fair Labor Association.

Veja também : Apple pagou quase R$ 700 milhões a novo CEO em 2011

"Isso representa um nível de transparência e fiscalização independente que não tem igual em nossa indústria", disse a Apple no relatório.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.