Tamanho do texto

Segundo a Toepfer, os problemas podem se agravar se as condições secas persistirem

selo

Várias regiões produtoras de grãos na Alemanha sofreram perdas causadas por geadas extremas no começo de fevereiro, segundo a trading Topfer, sediada em Hamburgo. Agora, o clima seco da primavera pode agravar a situação, principalmente no caso do trigo.

Áreas que não estavam protegidas por uma camada de neve foram afetadas pelo clima frio, segundo a Toepfer, incluindo o sudeste da Baixa Saxônia, Westfalia, partes no leste de Mecklemburgo-Pomerânia Ocidental e Brandemburgo, assim como partes de Saxônia-Anhalt.

Geadas prejudicaram principalmente as safras de trigo.
Luiz Fernando Martinez / Foto Arena
Geadas prejudicaram principalmente as safras de trigo.
O trigo foi a safra mais prejudicada, com as perdas ficando visíveis no começo do cultivo de primavera, segundo a Toepfer. A dimensão dos danos varia de acordo com a época de plantio, sendo que as lavouras que foram plantadas mais cedo sofreram os maiores estragos.

Segundo a Toepfer, os problemas podem se agravar, principalmente para o trigo, se as condições secas atuais persistirem por um longo período. A trading observa, no entanto, que até mesmo chuvas tardias em maio e junho ainda podem compensar a seca da primavera, pelo menos até certo ponto. As informações são da Dow Jones.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.